Edu 2.0

Em 2009 vivi a irresistível necessidade e o questionável privilégio de promover o período sabático que termina agora. Um tempo para descompressão, seguido de uma fantástica viagem até minhas origens nas cavernas, e depois uma grande fase de reinvenção e revisão de conceitos e de modo de vida.

Foi como eu rodar Windows e precisar de um reinício para instalar uma nova versão, e nesse processo rever todo meu registry, limpar arquivos desnecessários e fazer um defrag no meu HD, além de rodar um anti-vírus e implantar mais algumas regras no firewall. Claro que teve quem me sugerisse, a seu modo, passar a usar Linux e evitar alguns problemas, mas seria trabalhoso demais e, a meu ver, eu não precisava de uma mudança radical no kernel, mas apenas uns ajustes periféricos e no ambiente e um upgrade.

Vou pôr à prova esse Edu 2.0 daqui em diante e espero obter um bom desempenho e poucos problemas, mas como não sou bobo nem nada já me instalei o Bugzilla e um bom CVS para não perder o controle da evolução do sistema :)

Resumindo, agora ando mais devagar e carrego mais sorrisos, porque percebi que tinha muita pressa e que já havia chorado demais.

Tocando em Frente - Almir Sater e Renato Teixeira

Boa sorte pra mim ;)

Categories: Sobre a vida
  1. 18, janeiro, 2010 em 07:06 | #1

    Du, que todas as energias boas do Universo, traduzidas em Luz, Sabedoria, Paz e Equilíbrio te acompanhem nessa nova jornada.
    Beijo carinhoso!

  2. 18, janeiro, 2010 em 07:53 | #2

    @Vivi
    Brigado, Vi! :)

  3. 18, janeiro, 2010 em 09:27 | #3

    Du,

    Na boa… Tá mais pra 4.0, não??? :-)

    Boa sorte e muito sucesso nessa nova empreitada!!!!

    Aquele abraço,
    Edu.

    PS: VocÊ ainda tá me devendo aquele chope no alemão!

  4. 18, janeiro, 2010 em 10:47 | #4

    Putz, é verdade… falta pouco pro 4.0 :)
    Vamos combinar sim… o Alemão tem história, não?
    []s

  5. Sérgio
    20, janeiro, 2010 em 22:05 | #5

    Du, só posso desejar que o seu firewall deixe rolar uns novos aplicativos, 3.0 no seu HD …

  6. 21, janeiro, 2010 em 04:00 | #6

    Queria a opinião da Zezé sobre este assunto… :)

  7. Andrey Sant’Anna
    21, janeiro, 2010 em 23:48 | #7

    Boa Edu, muito boa!
    Quem bom que agora você colhe os frutos dessa jornada interior, dessa “Educéia”!
    Que daqui em diante, com tudo recomeçado, possa escolher os melhores programas, sempre tomando cuidado com os vírus, e saber a hora certa de restaurar o sistema pra evitar as sobrecargas eventuais.

  8. 22, janeiro, 2010 em 10:57 | #8

    @Andrey Sant’Anna
    Valeu, Andrey!
    É só uma pena que não dê pr’eu fazer um upgrade de hardware também… mas, bem, vou pelo menos instalar um no-break ;)

  1. Nenhum trackback ainda.