Página Inicial > São Bento do Sapucaí, Turismo > São Bento do Sapucaí – II

São Bento do Sapucaí – II

Lá fui eu, de novo, procurar o pote de ouro… não o achei em mais de 20 anos, mas com ao menos uma passadinha por ano por lá um dia eu acho.

DSC_0387

São Bento eu costumava chamar de “Campos do Jordão dos Pobres”, pois compartilha o mesmo clima e a mesma pedra, a do Baú, mas não era nada badalada e tinha infra próxima de zero há alguns anos. De uns tempos pra cá, seja por ter se tornado opção para os que não curtem o movimento de Campos, seja por falta de opção para aqueles que gostam mas encontram a vizinha muito cheia, São Bento tem ganhado várias boas pousadas* e restaurantes. Portanto agora, além de curtir o clima, as cachoeiras, e o sossego, pode-se comer uma boa truta no Sabor com Arte – Km 5 da Estrada do Paiol (peça a Flambada…), comida italiana no Tio Giuseppe – Km 2,5 da mesma, tomar um bom café no Trilha do Café no centro, ou mesmo comer um bolinho de batata na rodoviária ou um pastel de queijo minas no Mercado Municipal – estes dois últimos inexplicáveis, só experimentando.

* Quanto às pousadas, sei de passar em frente e de me contarem, pois por tradição não abandono meu semi-acampamento na Fazenda da D. Lourdes e Seu Tarcísio, na Cachoeira dos Amores.

Desta vez pegamos tempo bom – basicamente, sem chuva – a semana inteira, portanto deu fogueira todas as noites,

DSC_0212 DSC_0261

e ainda conseguimos pegar a festa de aniversário da cidade no sábado, com direito a ver a largada 2a Trilha da Pedra do Baú no domingo pela manhã:

E mais algumas imagens

  1. Andrey Sant’Anna
    21, agosto, 2009 em 00:43 | #1

    Edu, o que você procura lá? Algo que perdeu, algo que nunca encontrou ou algo que sempre está lá?

  2. 21, agosto, 2009 em 10:03 | #2

    Ah, fora o pote de ouro, o que procuro está sempre lá, senão já teria desistido :)
    É que o lugar, especificamente onde fico, é meio que impermeável ao tempo. Pouca coisa mudou nestes 20 e tantos anos e vou lá recarregar as baterias e fazer minhas fogueirinhas.

  3. Andrey
    21, agosto, 2009 em 11:28 | #3

    Tem que tombar como PHCE (Patrimônio Histórico Cultural do Edu)… qualquer dia você vai ter que comprar esse sítio, antes que alguma pousada resolva se instalar aí.

  4. Maisa
    9, setembro, 2009 em 16:54 | #4

    Edu, eu já estive perto, você sabe, em Gonçalves, mas nunca conheci São Bento, mas tenho certeza que tem a sua cara. E quando eu conhecer tenho certeza que vou te “ver” em todos os lugares. Beijo

  5. Re
    11, agosto, 2011 em 11:16 | #5

    Ola Edu tenho 29 anos e frequento esse lugar desde os meus 5 anos de idade… meu 1º acampamento… foi la embaixo perto dos bois onde tem uma pedra grande onde a gente subia pra contar as estrelas… La mesmo no sitio da D Lurdes e do Sr Tarcisio, q alias pessoas maravilhosas… E acho mesmo que vc deveria comprar se fosse pra manter exatamente do jeito q esta… Pq, se existe um paraiso é la….. Nossa qta historia tenho desse lugar … Dos banhos de finais de tarde na agua fria do poção…. a bela caminhada até a Pedra do Baú… N a verdade aquele lugar ja pertence a minha familia…. Pq Não tem um q não conheça…. E todos os anos vamos pra la fazer nossa fogueira…. É realmente perfeito…

  1. Nenhum trackback ainda.