Arquivo

Arquivo de 20, maio, 2009

Cádiz – algumas notas

20, maio, 2009 2 comentários

Bem, cheguei a Cádiz com duas idéias que se mostraram erradas: a de que era a cidade natal de meus avós, e a de que era uma cidade pequena.
A cidade natal é Setenil de las Bodegas – esta sim minúscula; e Cádiz não é nada pequena… claro, não se compara às outras cidades que visitei, que são capitais ou grandes portos, mas tem mais de 100.000 habitantes.
A cidade preserva bem seu centro histórico – se expandiu para os lados – e tem uma bela orla, com praias boas para banho e hoteis maiores.
A sede da Universidade de Cádiz é lá e possui diversos campus na cidade; e tem Burger King,  Mc Donalds, e sua cópia

DSC_0955

Há um intenso movimento no comércio na parte histórica, alimentado não só pelos turistas, mas por gente de lá; e caso algumas das ruas com as lojas mais chiques, como Zara e quetais, fossem cobertas, ficaria como a um shoping de São Paulo.

Tem vários restaurante e bares, muitos deles livres para fumar (ah, eles anunciam isto na porta)… pensei em me mudar para cá e abrir um, mas já tem o

DSC_0958

Categories: Cádiz, Turismo

Cádiz – outro museu

20, maio, 2009 Sem comentários

Eu perdi o papel onde anotei o nome :( Mas é um museu ligado à igreja, pois o mesmo bilhete (4 euros) dá direito ao museu e à Catedral.

Maior destaque para mim foi a Cabeza de San Pedro de Alcântara: é a cara de meu avô :)

DSC_0735

Categories: Cádiz, Turismo

Cádiz – Catedral Nova

20, maio, 2009 Sem comentários

Aqui as fotos de uma visita à Catedral Nueva de Cádiz, um belo templo da época que Cádiz era a porta de entrada das mercadorias vindas da América.

Barroca-academicista-neoclásica

Siglos XVIII-XIX

En 1722, poco tiempo después de convertise la cuidad en cabecera del monopolio comercial americano, comenzavan las obras de la nueva catedral según  diseño del arquitecto Vicente Acero, que concibió un gran templo de formas plenamente barrocas, con un dinamismo poco usual el lá arquitectura hispánica. La complejidad de las obras, que se prolongaram durante más de un siglo, hizo que se sucediesen distintos maestros, Gaspar y Torcuato Cayón, Miguel de Olivares, Manuel Machuca, Juan Daura y Juan de la Vega, que adptaron el diseño a los nuevos gustos academicistas y neoclásicos. El interior cobija numerosas obras artísticas, entre ellas la custodia del Corpus, realizada el los siglos XVII y XVIII. Desde la Torre de Poniente puede contemplarse una hermosa vista de la ciudad.

Categories: Cádiz, Turismo