Arquivo

Arquivo da Categoria ‘Cádiz’

Cádiz – algumas notas

20, maio, 2009 2 comentários

Bem, cheguei a Cádiz com duas idéias que se mostraram erradas: a de que era a cidade natal de meus avós, e a de que era uma cidade pequena.
A cidade natal é Setenil de las Bodegas – esta sim minúscula; e Cádiz não é nada pequena… claro, não se compara às outras cidades que visitei, que são capitais ou grandes portos, mas tem mais de 100.000 habitantes.
A cidade preserva bem seu centro histórico – se expandiu para os lados – e tem uma bela orla, com praias boas para banho e hoteis maiores.
A sede da Universidade de Cádiz é lá e possui diversos campus na cidade; e tem Burger King,  Mc Donalds, e sua cópia

DSC_0955

Há um intenso movimento no comércio na parte histórica, alimentado não só pelos turistas, mas por gente de lá; e caso algumas das ruas com as lojas mais chiques, como Zara e quetais, fossem cobertas, ficaria como a um shoping de São Paulo.

Tem vários restaurante e bares, muitos deles livres para fumar (ah, eles anunciam isto na porta)… pensei em me mudar para cá e abrir um, mas já tem o

DSC_0958

Categories: Cádiz, Turismo

Cádiz – outro museu

20, maio, 2009 Sem comentários

Eu perdi o papel onde anotei o nome :( Mas é um museu ligado à igreja, pois o mesmo bilhete (4 euros) dá direito ao museu e à Catedral.

Maior destaque para mim foi a Cabeza de San Pedro de Alcântara: é a cara de meu avô :)

DSC_0735

Categories: Cádiz, Turismo

Cádiz – Catedral Nova

20, maio, 2009 Sem comentários

Aqui as fotos de uma visita à Catedral Nueva de Cádiz, um belo templo da época que Cádiz era a porta de entrada das mercadorias vindas da América.

Barroca-academicista-neoclásica

Siglos XVIII-XIX

En 1722, poco tiempo después de convertise la cuidad en cabecera del monopolio comercial americano, comenzavan las obras de la nueva catedral según  diseño del arquitecto Vicente Acero, que concibió un gran templo de formas plenamente barrocas, con un dinamismo poco usual el lá arquitectura hispánica. La complejidad de las obras, que se prolongaram durante más de un siglo, hizo que se sucediesen distintos maestros, Gaspar y Torcuato Cayón, Miguel de Olivares, Manuel Machuca, Juan Daura y Juan de la Vega, que adptaron el diseño a los nuevos gustos academicistas y neoclásicos. El interior cobija numerosas obras artísticas, entre ellas la custodia del Corpus, realizada el los siglos XVII y XVIII. Desde la Torre de Poniente puede contemplarse una hermosa vista de la ciudad.

Categories: Cádiz, Turismo

A caminho de Setenil de Las Bodegas

18, maio, 2009 5 comentários

Após finalmente estrevistar direito minha tia descobri o nome do pequeno ayuntamento onde meus avós nasceram, Setenil de Las Bodegas, a aproximadamente 150 km de Cádiz.


Exibir mapa ampliado
Vou para lá de ônibus, chego no fim da tarde, e conto com a luz do sol daqui até as 21:00 para registrar o lugar.
E, quem sabe, encontrar um primo-avô ou primo-tio, sei lá… um primo de meus tios :)

Categories: Cádiz, Turismo

Cádiz – pelo centro e no museu.

17, maio, 2009 3 comentários

Cádiz está orientada a partir do Cais, próxima dele está uma das praças mais antigas e dali a cidade se expande, sem muita ordem*. Tem várias praças e as ruas mais antigas são todas estreitas, preenchidas com antigos prédios de 3 andares, muitos com pequenas varandas.

Como em toda cidade antiga de um país de maioria católica, também está repleta de Igrejas e conventos, alguns abertos a visitação, mas a maioria não.

Nas fotos abaixo algumas fotos da ruas, praças e fachadas:

* quando cheguei acertei o caminho do hotel de primeira, na Calle San Francisco… de lá pra cá me perdi absolutamente todas as vezes em que voltei para cá :( Sempre tenho que perguntar.
Um dos motivos é que a rua termina de frente para o mar: acostumado a nossas praias continentais, pensei ‘Legal, agora toda vez que quiser encontrar a rua, é só procurar o mar…’ Bem, só depois me liguei que Cádiz tem mar nas duas laterais acessíveis a pé, ou seja, acabei com uma bússola com 2 nortes.

E parei um pouco a caminhada para visitar o Museu de Cádiz, onde descobri que ela foi habitada pelos Fenícios, depois pelos Romanos, e ainda teve a ocupação moura (esta última sem muitos vestígios, os católicos construiram algumas igrejas sobre mesquitas).

Categories: Cádiz, Turismo

Cádiz – la playa e prédios históricos na orla

17, maio, 2009 Sem comentários

Fotos de um passeio à praia de la Vitória, em Cádiz. A praia é muito bonita, limpa e com águas claras, mas frias… no verão deve ser melhor.

DSC_0036 Logo na entrada você é informado que Fox Terrier é proibido.

Estou colecionando placas neste viagem, depois faço uma coletânea.

E a percorri inteira, no caminho cruzei com umas 4 garotas de top-less, sem fotos por motivos óbvios (não tenho uma tele para fotografar de longe :) ).

O caminho para a praia parte do centro para a esquerda, depois de voltar continuei para a direita e visitei dois prédios/fortificações históricas.

Categories: Cádiz, Turismo

Hay caracoles

14, maio, 2009 2 comentários

É isso aí, aqui em Cádiz também há caracóis. E, desculpem-me os portugueses, os daqui são melhores: mais temperados, com pimentões, cebola, e uma erva de cheiro que não identifiquei. Ficam mais saborosos, e são servidos em uma tijela*, o que os mantêm quente por mais tempo.

Depois jantei um “Gallo empanado”: gallo é um peixe bem saboroso e com a consistência parecida com nosso pescado, mas pouco mais encorpado. Servido com salada de repolho cru e um creme branco não identificado, bem leve. Acompanhou bem.
Perguntei pro Google sobre o gallo, para ver se tem por aí, mas parece que não: o mapa diz que o Lepidorhombus whiffiagonis só tem por aqui.

* no outro post sobre caracóis comentei que me servi do jeito errado, sem separar o prato sob o qual serviram os caracóis… pois é, deve ter sido alguma memória ancestral: aqui o prato sob a tijela onde os caracóis são servidos fica lá, e para ela vão as conchas vazias. Ninguém me ensinou, foi monkey-see-monkey-do com a mesa ao lado. Então fiz do jeito certo na 1a vez, o jeito da terra dos meus avós :)

Categories: Cádiz, Gastronomia, Turismo

Lisboa – Cádiz de trem

14, maio, 2009 6 comentários

Em Lisboa, na Estação Santa Apolônia, atrasou 1 segundo: saiu às 22:30:01.
Era um trem antigo, lento e apertado, e me faria bem saber contorcionismo para conseguir uma posição para dormir, mas valeu!

Depois um percurso de Madri a Sevilha, e outro de lá para Cádiz. Tudo certo, cá estou. A história completa abaixo.

Leia mais…

Categories: Cádiz, Lisboa, Turismo